Avaliação positiva do governo Temer cai para 10%, diz CNI-Ibope

Pesquisa CNI/Ibope mostra avaliação do governo do presidente Michel Temer em 10% de ótimo/bom e 55% de ruim/péssimo. É o fundo do poço em termos de popularidade do governo de Michel Temer, desde que assumiu o Planalto em maio de 2016.

Em setembro de 2015, o então vice-presidente Michel Temer disse em um evento que “nenhum governo se sustenta com uma popularidade tão baixa”. Foi ali que o vice rompeu de uma vez por todas com o governo e começou a articular o seu futuro governo. O governo Dilma tinha naquela oportunidade menos de 10% de aprovação. Se seguir a mesma linha, governo Temer está por um fio. E está mesmo.

Na terça-fera, 4, o TSE começa a julgar a ação que pode cassar o mandato do presidente – MPE pediu a cassação da chapa por abuso de poder político e econômico.

A sorte de Temer é que o governo mantém o apoio da elite econômica graças as reformas estruturantes em discussão no Congresso. Mas a ampla base política começa a ruir com Renan Calheiros fazendo críticas ao próprio governo. Se não conseguir aprovar as reformas, adeus apoio da elite econômica.

Governo Temer é impopular e está perdendo apoio político. O fim do governo Dilma começou do mesmo jeito.

Anúncios