A “direita xucra” é muito burra

Se intitulando “hackers de direita” e anunciando acabar com todos os perfis esquerdistas na internet, um grupo invadiu a página Socialista Morena da jornalista Cynara Menezes.

Particularmente, não tenho simpatia pela jornalista e, principalmente, pelas suas ideias. Não posso, no entanto, de concordar com uma atitude boçal como essa. Mais do que boçal: invadir dados pessoais (incluindo contas em redes sociais) é crime. Em resumo: coisa de bandido.

Mais inacreditável é gente usando o fato da jornalista em questão defender invasões de terras particulares pelo MST – Movimento dos Sem-Terra – ela deveria ficar calada e aceitar que roubaram sua página. Um argumento calhorda.

Há uma direita estúpida que deseja vencer os adversários não pela força dos argumentos, mas pela força bruta, trapaceando, roubando. A “direita Bolsonaro” ou “direita xucra” acha que vive uma guerra política e cultural de vida ou morte contra a esquerda progressista. Invadir a página dos “inimigos” só presenteia a eles a carta de vítima, de perseguidos (neste caso, de forma justa). Só que essa gente não pensa muito. Se cair de quatro, é difícil de levantar. São valentões por trás de um computador.

burro-shrek

Anúncios